Bem vindo ao SOS Designers

Faça o seu cadastro gratuito no Portal SOS Designers e tenha um acesso personalizado.

Empresas

Cadastre gratuitamente suas vagas, crie sua propria Lista de Curriculos Favoritos, e tenha um acesso personalizado.

Usuarios

Cadastre gratuitamente seu curriculo, crie sua propria Lista de Noticias Favoritas e tenha um acesso personalizado.

Área de Empresas | Vagas

Área de acesso a empresas cadastradas que desejam postar vagas de empregos no Portal e pesquisar curriculos.

Cadastre-se gratuitamente
Esqueceu a sua senha?

Área de Usuarios | Curriculos

Área do Usuario que deseja cadastrar seu curriculo e pesquisar vagas.



Cadastre-se gratuitamente
Esqueceu a sua senha?


Redes Sociais
Siga o Portal SOS Designers no Twitter Siga o Portal SOS Designers no Facebook

Segurança


Você está aqui: Home » Segurança » LinkedIn confirma vazamento de senhas de usuários da rede

LinkedIn confirma vazamento de senhas de usuários da rede


Pesquisar no Portal SOS Designers





Tempo Real



Siga o SOS Designers








pub_flash( 'http://www.sosdesigners.com/banners/web_flash_730x90.swf', 730, 90 ); " alt="Tecnoponta - 730 x 90 - - webdesign" />

Noticia retirada do site do Terra Tecnologia, vamos ficar ligado pessoal, segue a noticia na integra:

O LinkedIn confirmou nesta quarta-feira em postagem no seu blog oficial que as senhas de alguns usuários da rede social vazaram na web nesta quarta-feira. "Podemos confirmar que algumas das senhas que foram comprometidas correspondem às contas do LinkedIn. Continuamos investigando essa situação", afirmou a companhia na nota.


Segundo o LinkedIn, os usuários com senhas vazadas tiveram suas contas temporariamente indisponibilizadas até que criem uma nova senha. A rede social enviará um e-mail aos usuários afetados com instruções para a troca. "Pedimos sinceras desculpas por qualquer inconveniente que isso causou aos nossos membros. Nós levamos a segurança dos nossos usuários muito a sério", afirmou a empresa.


Profissionais de segurança em computação nos Estados Unidos e na Europa também alertaram que possuem evidências de que a rede social LinkedIn sofreu violações de dados que comprometeram as senhas de um número ainda incerto de usuários.


O LinkedIn havia afirmado no Twitter, mais cedo nesta quarta-feira, que era impossível confirmar que a violação de dados tinha ocorrido. "Nossa equipe continua investigando."


Profissionais de segurança descobriram documentos com cerca de 6,4 milhões de senhas codificadas, na terça-feira, tendo suspeitado que eram de membros do LinkedIn já que algumas senhas incluíam a palavara "LinkedIn", disse Graham Cluley, um consultor-sênior de tecnologia na fabricante britânica de softwares Sophos.


Os dados foram encontrados em sites nos quais hackers frequentemente trocam informações roubadas, incluindo senhas. Os arquivos incluem apenas senhas e não os endereços de e-mails correspondentes, o que significa que as pessoas que fizeram o download do arquivo e decodificaram as senhas, não poderam acessar os perfis facilmente.


Ainda assim, analistas disseram que é provável que os hackers que roubaram as senhas também tenham os endereços de e-mails correspondentes e poderiam acessar suas contas.


Com informações da Reuters.

Sobre o Colunista:

Luiz Antonio Bovi


Profissão: Programador Web

Descrição: Criador e administrador do Portal SOS Designers, desenvolvedor web desde 2002, ênfase na programação PHP com banco de dados mysql e elaboração de layouts e trabalhos gráficos.

Deixe seu comentário:





© Copyright 2002-2017
Portal SOS Designers
Webmaster: Luiz Antonio Bovi